sexta-feira, 10 de junho de 2011

Mais um mito que criamos!

 Uma mulher nunca se veste para outra mulher? A velha história de sempre!

Algumas pessoas acreditando que estão certas em seu ponto de vista  espalham conceitos que outros acreditam e não analisando passam a outros como se fosse uma verdade e assim  como a uma web, rede, nascem os mitos.

Mitos antigos, que já conhecemos.  Desde que leite com manga faz mal, até o temível inferno, que fica debaixo da terra.  E assim vão entre tantos, tantos mitos, que nos nem mesmo acreditamos mas por vias das duvidas mantemos esses mitos. Ou por medo ou pura preguiça de pensar e avaliar se há verdade ou não.

Bem, esses dia ouvi  mais um mito sendo criado. O  de que toda a mulher se veste, se embeleza para outra mulher! Será mesmo. E se for quer dizer que todo homem se arruma para outro homem? 
Pode até ser que uma mulher dispute espaço com outra mulher, se arrume para provocar inveja em outra mulher. Isso é natural, é saudável, porque é  traço nosso de nossa espécie conquistar espaços. Assim como outro homem, disputa com o outro o seu espaço. E dados os conceitos toda mulher adora uma vitrine de roupas ou cosméticos e todo homem as vitrinas de carro.

Bem, o fato é que nós homens e mulheres somos seres sociais. E ser social, é que nos deu esse aparente sucesso na evolução. Nos caçávamos em bando, e moramos em bando nas cidades, nas casas. Não somos seres solitários, apesar de alguns optarem pela solidão. E cada vez mais que distanciamos da natureza vamos nos tornando mais humanos como somos. Hoje em dia somos seres de redes sociais, mídias, e celebridades instantâneas.  Estamos ali sendo expostos e exibido para todos. Não apenas  mulheres para mulheres e homens para homens. Mas nos expomos para homens e mulheres porque somos sociais, somos assim.

Então uma mulher se veste não apenas para outra mulher, mas para todos que a virem, homens e mulheres, assim como um homem conquista um campeonato  não para outro homem mas para homens e mulheres, para todos. E todos é o social. E a um dando momento o  todo social, não tem sexo. Não é homem nem mulher. o todos social é homem e mulher, que se fundem num novo gênero. O ser social.